sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

REISTA EXAME - As melhores e as piores grandes cidades do Brasil


As melhores entre as 100 maiores do Brasil

São Paulo – Com pouco mais de 400 mil habitantes em 2010, o município de Santos, no litoral de São Paulo, é o primeiro na lista das melhores grandes cidades do Brasil, segundo pesquisa da Delta Economics & Finance/América Economia. A pior é a cidade de Duque de Caxias, município da região metropolitana do Rio de Janeiro, situado na região da Baixada Fluminense. 

A consultoria chegou a esta conclusão após analisar 77 características de cada uma das mais de 5,5 mil cidades do Brasil. O estudo levou em conta variáveis relacionadas à qualidade de vida, saúde, educação, segurança pública, saneamento básico, economia e governança, entre outros fatores. Veja a tabela abaixo.

A comparação entre as 100 maiores cidades revela que existem dois Brasis dentro do país, como classifica Claudia Regina Araujo, sócia da Delta&Finance.

Entre os 50 municípios com melhor desempenho na avaliação, apenas 6 são de algum estado das regiões norte e nordeste. A lista vai de 1 a 100, sendo que a primeira obteve a melhor pontuação e a última, a pior. 

Veja quais os principais índices analisados:

ÁreaPrincipais variáveisPontos possíveis
DesenvolvimentoDesenvolvimento municipal e Escolaridade do prefeito2
GovernançaPlano diretor, legislação específica, políticas públicas, equipamentos públicos, agenda 21, funcionários27
Bem-estarEsperança de vida ao nascer; mortalidade infantil; razão de dependência; probabilidade de sobrevivência até os 60 anos5
EconômicaDesigualdade de renda; pobreza; renda; profissionais ocupados com carteira assinada.10
FinanceiraReceita orçamentária; despesa com pessoal.4
DomicílioAcesso à água encanada, banheiro, coleta de lixo, energia elétrica e esgotamento sanitário5
SaúdeGovernança; equipamentos (unidades de saúde, leitos, etc); profissionais de saúde.10
EducaçãoExpectativa de anos de estudo; analfabetismo; atraso idade-série10
SegurançaTaxa de homicídio2
DigitalAcesso à banda larga e canal de cidadania2

85º - Caruaru (PE)

Nota final36,07
Desenvolvimento1,00
Governança14,55
Bem Estar1,56
Econômica3,90
Financeira1,49
Domícilios3,89
Saúde5,25
Educação2,12
Segurança1,31
Digital1,00

http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/as-melhores-entre-as-100-maiores-cidades-do-brasil#86

Eleição da Câmara de Caruaru será nessa sexta de 8h

Ao fim da sessão ordinária dessa quinta-feira o presidente da Câmara de Caruaru, Leonardo Chaves (PSD), confirmou que a eleição da Mesa Diretora para o biênio 2015/2016 será a partir de 8h dessa sexta-feira (19). Irão disputar a principal cadeira da Casa Jornalista José Carlos Florêncio o atual presidente, Leonardo Chaves (PSD) e Gilberto de Dora (PSB).
O decano na Casa conta com o apoio do prefeito José Queiroz, que reuniu a base e exigiu o voto nele. Já Gilberto fez uma grande articulação e espera vencer o pleito. A disputa deve ser voto a voto e a noite de hoje será para as últimas articulações e a busca do voto. Dos atuais 23 vereadores apenas Joel da Gráfica (DEM) não vai participar da eleição. Ele passou por uma cirurgia e segue internado na UTI do Hospital Santa Efigênia.
http://blogdomarioflavio.com.br/vs1/

sábado, 29 de novembro de 2014

Criação de um Conselho Político de Igrejas Evangélicas de Caruaru


Quinta-feira 27 de Novembro de 2014, na Câmara Municipal de Vereadores de Caruaru foi proposta a Criação de um Conselho Político de Igrejas Evangélicas de Caruaru. O objetivo primordial é dar voz a ma grande parcela da sociedade Caruaruense que fica de fora na elaboração de todos os projetos municipais.





terça-feira, 14 de outubro de 2014

Dizem que os evangélicos misturam política com religião.

Dizem que os evangélicos misturam política com religião. Isso é verdadeiro, em alguns casos, assim como é verdade que existem candidatos que misturam ativismo LGBT com política, feminismo com política, etc. Mas veja que interessante: a presidenciável Marina Silva nada falou de sua fé, exceto quando lhe faziam perguntas sobre o assunto, e, mesmo assim, alguns "formadores de opinião" diminuíram a candidata em razão de ela ser evangélica. Nos debates, uma "coerente" presidenciável — a estalinista que usa um Macbook Air para escrever seus textos contra o capitalismo opressor — atacou Marina por causa de sua fé. Já no pleito para o governo do Rio de Janeiro, o candidato Pezão não se cansa de atacar Crivella por causa de sua fé, apesar de este nada falar sobre religião. Além disso, vejo em jornais gracejos maldosos alusivos à fé do candidato cristão. Como se vê, há políticos e "formadores de opinião" que não têm moral nenhuma para tachar pessoas homofóbicas e fundamentalistas, visto que eles são evangelicofóbicos e igualmente fundamentalistas. ‪#‎ProntoFalei‬ (por: Ciro Sanches Zibordi).

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Evangélicos são eleitos com votações expressivas

O resultado das urnas demonstrou que a comunidade evangélica se conscientizou em exercer a sua cidadania e buscou sua representatividade na política nacional. Ainda não foram divulgados números oficiais, porém, ao que tudo indica, houve um aumento da bancada evangélica no Congresso e na Câmara.

Dos oito candidatos apoiados pelo pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, seis foram eleitos. São eles: (reeleito) deputado estadual Samuel Malafaia (PSD-RJ), com 140.148 votos, sendo 4º mais votado; e demais deputados estaduais Lula Cabral (PSB-PE), com 50.886 votos, e Albert Dickson (PP-RN), com 37.461 votos. Para deputado federal: Sóstenes Cavalcante (PSD-RJ), com 104.697 votos; Gilberto Nascimento (PSC-SP), com 120.044 votos, e Fabio Souza (PSDB-GO), com 82.204 votos.

Pastor Silas agradece aos que votaram nos candidatos apoiados por ele e também aos irmãos que votaram em outros candidatos que nos representam.

Em Minas Gerais, pastor Flamarion Rolando, líder da Evangelho Quadrangular em Governador Valadares, apoiou dois candidatos que também foram eleitos. São eles: deputado federal Stefano Aguiar (PSB-MG), com 144.153 votos, e para deputado estadual Leandro Genaro (PSB-MG), com 127.868 votos, sendo o 3º mais votado.

CONGRESSO de JOVENS


sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Na hora do voto

Neste domingo (5), milhões de eleitores brasileiros irão às urnas, e, por meio do voto, decidirão quais candidatos governarão o país nos próximos quatro anos. Na verdade, todos, que se encontram aptos para votar, terão a oportunidade de manifestar a própria vontade, eleger e conceder poderes para que os vitoriosos do pleito possam representar o povo nas casas legislativas, bem como administrar, na prática, o que lhes foi confiado, seja um estado ou nação. Neste sentido, segue algumas orientações para que você possa votar consciente e, com isso, fazer do Brasil um lugar melhor para se viver.


*Procure conhecer a história, o caráter, a real intenção e as propostas dos candidatos que estão concorrendo às eleições;


*Não aceite troca de favores pelo voto ou qualquer tipo de propina. Rejeite a corrupção!;


*Não permita ser influenciado por lideranças ou personalidades na hora das eleições. O voto é individual e democrático;


*Observe se as propostas do candidato não são contraditórias e incoerentes. Analise se realmente ele terá condições de cumprir o que está sendo prometido;


Perceba se o candidato se compromete em preservar os valores morais, a família, e, se suas atitudes são éticas.
NO DIA DA VOTAÇÃO:



É proibido fazer qualquer tipo de selfie na hora da votação;


É proibido o uso de celulares;


É proibido comício e entrega de “santinhos”;


Não esqueça de levar o título ou um documento de identificação original com foto. Pode ser carteira de identidade, de motorista, de trabalho ou certificado de reservista, por exemplo.

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Após polêmica nas redes sociais, campanha de Dilma imprime panfletos para evangélicos

Após a recente polêmica gerada pela nota oficial da fanpage de Dilma Rousseff (PT) no facebook sobre a "oficialização do apoio dos evangélicos à sua candidatura", a equipe de campanha do Partido dos Trabalhadores decidiu continuar investindo nesta estratégia, com a impressão de novos panfletos.

Com o título "Evangélicos com Dilma - Por que votamos em Dilma!", o material traz uma foto da presidente participando de um evento voltado para Ação Social na Assembleia de Deus do Brás (SP).

Já abaixo da imagem, está exposta uma frase proferida por Dilma durante o evento.
"O Estado brasileiro é um Estado laico, mas o Brasil é uma nação que tem Deus como Senhor. Acredito naqueles que creem. Acredito no poder da oração. Não se esqueçam de orar por mim. Todos os dirigentes deste País dependem do voto do povo e da graça de Deus. Eu também", traz a citação.

Nota polêmica
Postada na página oficial da candidata petista no Facebook, no último sábado, a breve notícia da "oficialização do apoio dos evangélicos à sua candidatura" gerou revolta em diversos internautas, que expressaram tal sentimento na própria postagem.
Outros também compartilharam a nota nas mídias sociais, afirmando que não fazem parte do grupo que a tem apoiado.
"Me 'incluam' fora dessa! Como assim: TODOS! Estão bem enganados, hein...", disse a pastora e jornalista Adriana Bernardo, criticando a chamada da nota que dizia "Todos com Dilma".

Arquivo
A tentativa de aproximação da candidata com cristãos tem gerado questionamentos não somente dos religiosos, mas dos eleitores de um modo geral.
Recentemente voltou a ser compartilhado nas mídias sociais, um vídeo no qual a petista é questionada sobre sua crença religiosa. Em sua resposta, Dilma confessa que se questiona sobre a existência de Deus.

O QUE OS EVANGÉLICOS QUEREM DO PRÓXIMO PRESIDENTE?

O Mestre Jesus Cristo ensinou: “tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os profetas” (Mt 7.12). E os cristãos não querem que um ditador, déspota, estalinista, perseguidor dos cristãos, governe o país. Todos os servos do Senhor que se prezam querem um presidente que governe com justiça para todos, visando ao bem-estar de toda a população, priorizando a educação, a saúde, a segurança, os transportes, a liberdade de expressão, etc.


Entretanto, tenho visto, nas redes sociais, evangélicos mal-orientados exigindo que Marina Silva — ex-petista, evangélica (membro da Assembleia de Deus) —, caso eleita, imponha os mandamentos bíblicos à sociedade brasileira, como se a candidata fosse uma espécie de rainha de Judá, responsável pela reforma da nação. Povo de Deus que pensa, o Estado brasileiro é laico, a população do Brasil é diversa, e a Igreja Evangélica não é um califado. Nós pregamos a verdade com amor! É o Espírito Santo quem convence o mundo do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16.8-11).

Cabe ao presidente da República governar para todos, respeitando a liberdade de expressão. Não cabe a ele impor a sua ideologia, seja ela qual for. Aliás, esse é o problema atual do Brasil: o petismo, em vez de governar para todos, pouco a pouco — valendo-se do gramscismo —, tem imposto uma ditadura esquerdista. O meu desejo é que o projeto de poder do petismo seja interrompido, para que tenhamos um Brasil mais justo, que beneficie a todos os brasileiros. ‪#‎FicaADica‬.

Ciro Sanches Zibordi

De Renata Campos para Marina Silva

quinta-feira, 10 de julho de 2014

IGREJAS ESTÃO OBRIGADAS À ENTREGA DO SPED CONTÁBIL

Nova legislação determina que todas as entidades sem fins lucrativos, portanto isentas ou imunes ao imposto de renda, onde se insere as Igrejas, são obrigadas a realizar a Escrituração Contábil Digital (ECD), também conhecida como SPED Contábil (SPED - Sistema Público de Escrituração Digital), em relação aos fatos contábeis ocorridos a partir de 01/01/2014 (Instrução Normativa da Receita Federal do Brasil nº 1420, de 19/12/2013, Art. 3º, inciso III).

Em suma, no SPED Contábil é realizada a escrituração contábil e depois enviadas todas as informações econômico-financeiras da Igreja, como: despesas, serviços tomados, aquisições e venda de bens do imobilizado, empréstimos, financiamentos, receitas (entradas), movimentação bancária, etc.

O SPED Contábil será transmitido pelo estabelecimento matriz e deverá conter as informações consolidadas de todos os estabelecimentos (matriz e filiais/congregações) da pessoa jurídica.

As Igrejas e as demais pessoas jurídicas ao enviarem o SPED Contábil deverão manter todos os documentos contábeis e fiscais relacionados com as informações prestadas, pelo prazo de cinco anos.
Como fazer? 

Essas informações são enviadas eletronicamente (pela internet), no padrão (formato) determinado pela Receita Federal do Brasil, ao SPED, que disponibiliza essas informações ao Cartório (Serviço de Registro Civil das Pessoas Jurídica) onde a Igreja está com o seu Estatuto registrado. Para o envio dessas informações, via SPED Contábil, é necessário a utilização de Certificado Digital e-CPF, em nome do Representante Legal da Igreja, junto a Receita Federal do Brasil.

O SPED Contábil, com as informações relativas ao ano de 2014, deverá ser enviado até 30/06/2015 (nos demais anos, até o último dia útil de junho do ano seguinte). Mas, sugere-se não deixar para a última hora para tomar as providências necessárias.

A não entrega do SPED Contábil no prazo, ou a sua apresentação com incorreções ou omissões, acarretará a aplicação de multas, não inferiores a R$ 500,00 por mês de atraso (Medida Provisória 2158-35, de 24/08/2001, Art. 57). Além da multa, a não entrega do SPED Contábil poderá ocasionar a suspenção do CNPJ, bem como a impossibilidade de emissão de Certidão Negativa de Tributos Federais, podendo, inclusive, ficar com o CNPJ inapto, tendo como consequência a dificuldade de abertura e manutenção de contas bancárias, obtenção de financiamentos, compra e venda de veículos e de bens imóveis, entre outras.

Portanto, para evitar problemas, é de fundamental importância que os dirigentes das Igrejas verifiquem se as instituições que dirigem estão preparadas para o atendimento das exigências do SPED Contábil. Caso necessário, procure um profissional contábil, experiente no atendimento a Igrejas e com conhecimento do SPED contábil, para assessorá-los.



Marcone Hahan de Souza

Site: www.institutojetro.com

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

DEVOCIONAL - Nova Aliança

"O qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica." 2 Coríntios 3:6

Pensamento: Uma nova aliança, Deus entrou num novo acordo conosco, suas criaturas, selou-o com o sangue do Seu Filho Jesus, e enviou o Espírito para nos dar o poder de viver a vida desta nova aliança. Deus fez uma aliança de amor e graça conosco. O Todo-Poderoso nos fez dignos e competentes para compartilhar essa aliança com outros. É por isso que ela dá vida: traz vida para nós e através de nós!


Oração: Ó santo e majestoso Deus, obrigado por sua graça que me salvou do pecado e me redimiu da lei do pecado e morte. Obrigado por enviar o presente do Seu Filho e o presente do Seu Espírito para que possa viver com o Senhor numa aliança de vida, graça e amor. Ao confessar minhas fraquezas, também me comprometo a honrar o seu sacrifício, amor e aliança, confiando que o Senhor me capacitará para ser o que o Senhor está me chamando para ser. Em nome de Jesus eu oro. Amém.